Depois do milagre alemão, F1 segue para Hungaroring