José Aldo: Retorno às vitórias ou fim da linha?